O Projeto do Museu Unico está a um passo de ser concluído

A associação de Náhlova quer arrecadar fundos para o termino da  reconstrução do edifício, com uma exposição sobre a emigração para o Brasil e também  sobre a cervejaria

Náhlov
- vocês sabem, como  é dificil para qualquer organização sem fins lucrativos conseguir patrocinadores e também dinheiro ? Especialmente quando não estamos localizados na capital tcheca e nem em uma grande cidade ?
A associação de Náhlov Ralsko foi criada por um grupo de entusiastas e concentra suas atividades para a restauração da pequena vila de Náhlov  na antiga zona  militar de  Ralsko. Pretende reestabelecer os laços entre a comunidade atual e a antiga. Assim foi criado o museu da imigração para o Brasil.

Estamos precisando de  dinheiro...
É justo que agora a comunidade local ajude no financiamento do projeto. Afinal o presidente da associação Petr Polakovič, pai da ideia de fundar  o museu. Nos ultimos anos na direcao do projeto, realmente se desdobrou para a execucao do inumeras tarefas e até conseguiu o apoio do Ministério Negócios Estrangeiros e da Embaixada do Brasil na República Tcheca
A idéia de construir o Museu da Emigração Tcheca para o Brasil, surgiu depois que Petr Polakovič voltou de uma viagem para o Brasil.Passou muitos anos estudando o fenomeno da emigração tcheca para o Brasil. Desde meados do século 19, milhares de pessoas do território onde hoje fica a  região de  Liberec  viajaram através do Oceano Atlântico para  encontrar a promessa de uma vida  melhor na América do Sul.  Entre  os  primeiros emigrantes estavam alguns  antepassados de Petr Polakovič  e os irmãos Joseph e Petr Hörbeovi.

A exposição no Castelo
O objetivo  de  Petr Polakovič é a  abertura  oficial do Museu da Emigração em Náhlov em 2012.  A exposição de apresentação do museu  se entitulou :  "vestígios tchecos no Brasil " e foi realizada no castelo de Praga em novembro de 2011. O Sr. Petr Polakovič foi curador de um dos cinco modelos desta exposição, que se  chamou:  " A história e  os benefícios da imigração Tcheca para o Brasil." Os painéis usados nesta exposição se encontram no museu em  Náhlov.

Celebrações em Horních Vsí
Foi possivel visitar e ouvir o descurso de Petr Polakovič durante a celebracao da 3º Festa de Horních Vsí em Náhlov, que aconteceu em 20 de agosto de 2011 e que serviu como uma pré-inauguração do museu. Entre os convidados estavam  o atual Presidente do Distrito Federal  de Mimon Wolfgang da Baviera Kaiser, a vice-prefeita de Ralsko Sra. Sarka Kalvová, o  Professor John Klima da Universidade de Hradec Kralove, autor do livro :  A História do Brasil, co-autor dos livros:Carta de Jaguar no Brasil e Kněžmost na República Tcheca ,Vladimir Hamáček, Reitor da Universidade Skoda Auto em Mlada Boleslav, cujo ancestral John Hamáček emigrou em 1893 para o  Brasil.
Descendentes diretos dos emigrantes que foram para o  Brasil, tiveram a chance de conhecer um pouco dessa história. Também contamos com a presença do Sr. Johaness Marschke da região de Saska, que  assim como eu tem parentes no Brasil.E é igualmente entusiasmado pela historia da emigração como eu -pretende promover um  museu com o mesmo foco como é  o nosso aqui em Náhlov na região vizinha de Saska, diz Petr Polakovič, que teve aprovado seu estudo de 3 anos  sobre a emigracao tcheca para o Brasil para sua graduação de Ph.D.
Eu conheci muitos historiadores no Brasil, Alemanha e Áustria, pessoas que lidam com mesmo tema em uma escala mais ampla. Com  austriacos e alemães, eu me especializei na emigração para Brasil a partir da República Tcheca. "Estamos atualmente pesquisando sobre a Princesa Leopoldina que se casou com o principe Pedro no Brasil. Tentamos encontrar dados sobre tudo o que  se passou com ela. Para maiores detalhes , vou portanto pesquisar os arquivos em Viena – confessa Petr Polakovč.
No início do século 19 , o Brasil de forma legítima e  pacífica tornou-se independente (7 de setembro 1822). Os Habsburgos destinaram se, assim,  a reforçar a sua posição  com o casamento da arquiduquesa Leopoldina com a coroa brasileira através do Príncipe Pedro, que posteriormente declarou se imperador do Brasil. Com Leopoldina, aconteceu o envio de uma grande expedição e sua comitiva contou com um numero importante  de cientistas, entre os quais haviam muitos Tchecos e da  região  da Morávia, por exemplo, J. E. Pohl ou Johann Christian Mikan.

De que mais precisamos ?
Segundo Petr Polakovč, o interior do museu já está pronto. Na parte de trás do edificio ainda faltam reconstruir a varanda e concluir o banheiro para deficientes fisicos, sanitários comuns e outras instalações para fins sociais. A prioridade agora é o telhado do abrigo que se encontra em um estado terrivel e que se fixam em conjunto com a fachada. Existe muito a ser feito , especialmente na fachada, onde existem muitos detalhes de edíficio histórico. Petr Polakovč diz : Eu quero conseguir o patrocinio ou alguma ajuda da cervejaria Bohemia no Brasil , já que ela tem sua historia ligada a emigração tcheca para o Brasil.
Se o tema da emigracao para o Brasil te interessa, entre em contato com o museu ou com o Sr. Petr Polakovič. A associação de Náhlov agradece também qualquer contribuição para o termino da reconstrução do museu , que pode ser feita através da conta: 1647658/0300